Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Sessão na Câmara de Vereadores segue na normalidade em Ji-Paraná

Sessão na Câmara de Vereadores segue na normalidade em Ji-Paraná

por adm publicado 23/03/2021 12h15, última modificação 23/03/2021 12h17
Na sessão foi aprovado o Projeto de Lei n° 2973 que trata-se de matéria que dispõe sobre a reestruturação e o funcionamento do Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação CACS/FUNDEB

A sessão na Câmara de Vereadores na manhã desta terça-feira (23) foi tranqüila em Ji-Paraná. Três vereadores usaram a tribuna, entre eles o vereador Marcelo Lemos (PSD) que respondeu a algumas pessoas que o indagaram sobre o deputado Laerte Gomes, a quem considera grande parceiro e enorme aliado de Ji-Paraná. Segundo ele, são mais de 25 milhões de reais em emendas destinados pelo deputado ao município. Seis milhões só na ponte do Terceiro Distrito, mais ambulâncias, recursos a pavimentação, medicamentos, academias de saúde e vários outros projetos. Marcelo Lemos também agradeceu os vereadores e compraram a idéia para solicitar do poder executivo a sanitização da cidade, e que já foi aceito pelo prefeito Isaú Fonseca.

O vereador Lorenil Gomes (PSDB) lamentou a atitude das pessoas que estão querendo o mal de Ji-Paraná. “Tem muita gente que só sabe fazer críticas ao poder público, mas não chegam com uma formula para resolver o problema da Covid-19. Quero aqui também agradecer os vereadores por aprovar meu requerimento de oferecer Moção de Aplausos aos motoristas de ambulâncias que muitas vezes saem de madrugada com a intenção de ajudar a salvar vidas. Esses motoristas estão conduzindo os pacientes com a Corona vírus para Capital e Cacoal, por isso, eles merecem receber a homenagem”, afirmou Lorenil Gomes.   

Já o vereador Elvis Gomes (Republicanos), usou a tribuna para falar sobre o caos que Ji-Paraná está enfrentando com a Covid-19. “Muitos estão criticando o poder executivo de estabelecer algumas restrições, mas nesse momento nós ainda não temos a vacina para imunizar toda população da nossa cidade, estamos com os hospitais lotados e com 100% da ocupação dos leitos de UTI’s, então o distanciamento social nesse momento é importantíssimo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), como forma preventiva. Eu me preocupo sim com a economia, com aqueles empresários que estão passando dificuldades, mas me preocupo também com a vida das pessoas”, disse Elvis Gomes.

Na sessão foi aprovado apenas o Projeto de Lei n° 2973 que trata-se de matéria que dispõe sobre a reestruturação e o funcionamento do Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação CACS/FUNDEB, em conformidade com o artigo 212-A da Constituição Federal, regulamentado na forma da Lei Federal n°14.113, de 25 de dezembro de 2020.

Para a discussão entrou o Projeto de Resolução n° 240/2021 que altera a redação do art. 9° da Resolução n. 1876, de 8 de dezembro de 2020, que dispõe sobre a regulamentação do uso do Sistema Eletrônico de Informações para realização do processo administrativo no âmbito do Poder Legislativo e dá outras providências, que se  faz necessária a adequação da redação do artigo 9° aos procedimentos adotados usualmente pelo órgão no tocante à nomeação de comissões especiais, com fulcro no artigo 48 do Regimento Interno, visando a praticidade e agilidade no serviço público.

Mídias Sociais

Facebook Twitter Linkedin Youtube Flickr

Portal do Servidor

Transparência